VULGO LUCÃO QUE MATOU RIVAL NO HE DE MACAPÁ MORRE AO TROCAR TIRO COM O BOPE

0 680

Um indivíduo conhecido no submundo do crime como “VULGO LUCÃO” morreu ontem dia 08 pela manhã, desta quarta-feira durante uma troca de tiros com militares da equipe de ROTAM/ BOPE.

O caso ocorreu em uma área conhecida como “CAESINHA”, no Bairro Perpétuo Socorro, LUCAS RAFAEL CARVALHO DE FREITAS.

O criminoso no 03 de novembro 2018, quando ainda era menor invadiu a área interna do Hospital de Emergência de Macapá e executou com vários tiros o rival que se encontrava na sala de pós-operatório.

A vítima foi identificado como JHONATA ARAÚJO CARNEIRO, de 19 anos. Após consumar o delito o criminoso antes de se render ainda fez uma mulher de refém.

O meliante estava homiziado em uma casa que ele havia invadido junto com os comparsas, quando sentiu a presença dos policiais ele subiu para se esconder no telhado de uma residência.

Um vídeo registrado por moradores do local mostra quando o criminoso tenta se esconder no telhado, mais ele foi avistado pela equipe policial, foi quando resolveu abrir fogo contra os militares na presença de vários moradores, o vulgo Lucão acabou levando desvantagem, os policiais revidaram a injusta agressão por parte do criminoso que tombou morto no local.

O Capitão Hércules Lucena disse: “Que o Lucão era um elemento muito violento e pelos antecedentes criminais e também por ter efetuado vários disparos contra os policiais, isso demonstra o grau da violência e as consequências que ele oferecia para a sociedade.

O indivíduo respondia pelos crimes de tráfico de drogas, homicídios, latrocínios, roubos, furtos. Ele já tinha uma vasta ficha criminal.

Comentários
Carregando...