Polícia Civil prende três pessoas em flagrante e um foragido da Justiça durante operação em Tartarugalzinho

0 76

No início da manhã deste sábado, 29, a Polícia Civil do Amapá, através do Departamento de Polícia do Interior (DPI) e Delegacia de Polícia de Tartarugalzinho, realizou uma operação com o objetivo de cumprir quatro mandados de busca e apreensão domiciliar em locais denunciados e investigados pela comercialização de drogas.

Durante a ação, que durou três horas, quatro pessoas foram presas. Um auto de prisão em flagrante foi lavrado em desfavor de um casal pela posse irregular de munições de arma de fogo e por manter um animal silvestre em cativeiro. Já contra um homem que foi encontrado com porções de maconha, foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência.

Além dessas três prisões, os policiais localizaram o nacional Roberto dos Reis Amaral, conhecido como Beto, que estava foragido da justiça, possuindo dois mandados de prisão preventiva em seu desfavor. O primeiro é referente ao crime de latrocínio, ocorrido em 31 de março desse ano no município de Porto Grande, quando Beto, juntamente com outros dois acusados (já presos, no início do mês), roubaram e esfaquearam a vítima, matando-a, fato este que causou um grande clamor social na sociedade local. O segundo mandado de prisão é referente a um crime de roubo, ocorrido no dia 27 de fevereiro do ano corrente, no mesmo município.

De acordo com o delegado Felipe Vieira, Roberto será encaminhado à Delegacia de Polícia de Porto Grande, onde será interrogado pelo Delegado Bruno Braz, responsável pelos Inquéritos Policiais que investigam o caso.

Dezesseis policiais civis distribuídos em quatro viaturas participaram da ação, juntamente, com policiais militares da 4ª CIA / 7º Batalhão.

Fonte Original Polícia Civil do Amapá
Comentários
Carregando...