Polícia Civil indicia mais três pessoas no inquérito policial que investiga a morte do policial rodoviário federal

0 572

Nesta terça-feira, 31, a Polícia Civil do Amapá, através da 2ª Delegacia de Polícia de Santana, indiciou Dariane Ferreira de Souza (conhecida como Preta do Papagaio), Greyce Kelle Machado Côrrea e Maria José Moraes dos Santos, acusadas de serem partícipes no latrocínio que vitimou o policial rodoviário federal aposentado Rubens Silva de Menezes, de 72 anos de idade, morto com um tiro na cabeça na noite de 8 de junho desse ano, na Ilha de Santana.

De acordo com a delegada Luiza Maia, que preside o inquérito policial, as acusadas guardaram o celular de um dos envolvidos no crime, o menor que esteve na casa do policial, inclusive, a Dariane foi pega na posse do aparelho, o qual foi apreendido e aguarda decisão judicial para ser degravado.

As acusadas, que responderão em liberdade, estão sendo indiciadas por serem membros da facção e partícipes do crime de latrocínio consumado.

Comentários
Carregando...