Operação São João: Ipem reprova um item da lista de produtos juninos

Produto apresentou quantidade abaixo do descrito na embalagem. O fabricante foi autuado e tem dez dias para apresentar defesa.

0 19

O Instituto de Pesos e Medidas do Amapá (Ipem/AP) concluiu a análise nos produtos coletados durante a Operação São João, para fiscalizar o comércio de produtos utilizados durante as festas juninas. Dos 280 itens analisados, apenas o estalinho foi reprovado pelo órgão, por apresentar quantidade abaixo da especificada na embalagem.

Entre os dias 3 e 4 de junho, técnicos do Ipem recolheram os produtos, de 24 marcas, em estabelecimentos comerciais de Macapá e Santana, para análise. A verificação dos itens foi realizada nos dias 13 e 14 de junho, na sede do Ipem, em Macapá.

De acordo com a gerente do Núcleo de Pré-Medidos do órgão, Layana Jung, por conta da irregularidade, o fabricante foi autuado e notificado a apresentar defesa. “Neste caso, ele tem o prazo de dez dias para apresentar defesa, se deixar de fazer esse procedimento, pode ser penalizado com advertência e até multa”, informou a gerente.

Os demais produtos como canjica, milho, leite de coco, coco ralado, pipoca, cuscuz, canela, fogos de artificio, não apresentaram irregularidades e estão à disposição dos fabricantes para a retirada. Caso isso não aconteça, devem ser doados para entidades previamente cadastradas.

No ano passado, um produto (azeite de dendê) foi reprovado por apresentar diferença de peso em relação ao descrito na embalagem.

Fonte Original GEA
Comentários
Carregando...