Empreendedorismo feminino no ramo de maquiagem profissional

Maquiadoras experientes e qualificadas sempre encontrarão chances de inserção no mercado da beleza

0 545

A história de muitas mães é marcada pela força da vocação empreendedora. A fim de auxiliar aquelas que ainda não decidiram a área em que se lançarão para iniciar o próprio negócio, o portal Amapá em Foco traz mais uma sugestão de investimento promissor: a profissão de maquiadora. Um recurso que ao longo dos tempos se tornou em componente indispensável ao visual feminino, a maquiagem não é apenas uma arte mas também um tratamento de beleza para as mais diversas ocasiões e ambientes.

O mercado precisa de maquiadoras capacitadas. Para as mães empreendedoras que pretendem abrir um negócio caseiro, a flexibilidade oferecida por atividades vinculadas à beleza são uma ótima alternativa. Elas podem tanto integrar o portfólio de um salão de beleza quanto serem oferecidas de forma caseira e individualizada.

De acordo com a maquiadora profissional Juliana Paula Cardoso, professora do curso Profissional de Maquiagem, desenvolvido pelo CPT, “essa profissão está ligada à estética e à autoestima das pessoas. Por isso, é uma profissão prazerosa, por realizar um desejo básico de todas elas: o de ficarem mais bonitas”.

Assim, maquiadoras experientes e qualificadas sempre encontrarão chances de inserção no mercado da beleza. É preciso mais que talento natural nesse trabalho. Para superar a concorrência e atender a clientela cada vez mais exigente, é importante também apresentar diferencial. Sendo assim, a busca constante por reciclagem de conhecimentos e a atualização acerca de novos produtos e técnicas são primordiais para obter sucesso.

Modalidades da profissão

Uma modalidade para atuar nessa área é a de autônoma. Trata-se de uma ótima ideia para as mães empreendedoras que optaram por trabalhar em casa, mais perto dos filhos. Nessa categoria, a maquiadora pode atender em domicílio e receber o valor integral do trabalho. Outra opção é filiar-se a um salão de beleza ou centro de estética, a vantagem nesse caso é não precisar de investir em propaganda. Além disso, estando vinculada a uma empresa, a maquiadora deverá seguir a agenda da empresa. “Todo lado tem as suas vantagens e desvantagens. Você deve pensar bem antes de decidir pela modalidade”, aconselha a professora.

A mercado da beleza pode ser uma excelente oportunidade para mães empreendedoras

A história de muitas mães é marcada pela força da vocação empreendedora. A fim de auxiliar aquelas que ainda não decidiram a área em que se lançarão para iniciar o próprio negócio, o portal Amapá em Foco traz mais uma sugestão de investimento promissor: a profissão de maquiadora. Um recurso que ao longo dos tempos se tornou em componente indispensável ao visual feminino, a maquiagem não é apenas uma arte mas também um tratamento de beleza para as mais diversas ocasiões e ambientes.

O mercado precisa de maquiadoras capacitadas. Para as mães empreendedoras que pretendem abrir um negócio caseiro, a flexibilidade oferecida por atividades vinculadas à beleza são uma ótima alternativa. Elas podem tanto integrar o portfólio de um salão de beleza quanto serem oferecidas de forma caseira e individualizada.

De acordo com a maquiadora profissional Juliana Paula Cardoso, professora do curso Profissional de Maquiagem, desenvolvido pelo CPT, “essa profissão está ligada à estética e à autoestima das pessoas. Por isso, é uma profissão prazerosa, por realizar um desejo básico de todas elas: o de ficarem mais bonitas”.

Assim, maquiadoras experientes e qualificadas sempre encontrarão chances de inserção no mercado da beleza. É preciso mais que talento natural nessa trabalho. Para superar a concorrência e atender a clientela cada vez mais exigente, é importante também apresentar diferencial. Sendo assim, a busca constante por reciclagem de conhecimentos e a atualização acerca de novos produtos e técnicas são primordiais para obter sucesso.

Modalidades da profissão

Uma modalidade para atuar nessa área é a de autônoma. Trata-se de uma ótima ideia para as mães empreendedoras que optaram por trabalhar em casa, mais perto dos filhos. Nessa categoria, a maquiadora pode atender em domicílio e receber o valor integral do trabalho. Outra opção é filiar-se a um salão de beleza ou centro de estética, a vantagem nesse caso é não precisar de investir em propaganda. Além disso, estando vinculada a uma empresa, a maquiadora deverá seguir a agenda da empresa. “Todo lado tem as suas vantagens e desvantagens. Você deve pensar bem antes de decidir pela modalidade”, aconselha a professora.

Campos de trabalho

Foto: Stock.XCHNG

A maquiagem artística atende peças teatrais, tv e cinema.

Mas, o salão não é o único a contratar o profissional da maquiagem. Existem outros campos de trabalho interessantes e exigentes quanto à qualificação de seus profissionais da beleza. O curso lista algumas dessas alternativas.

 

 

São elas: Institutos de beleza: atuar na maquiagem para eventos sociais, tais como casamentos e bailes;
Peças teatrais, TV e cinema: maquiagem artística;
Passarela: no mundo da moda é possível atuar como maquiador de desfiles ou sessões fotográficas, procurando harmonizar a beleza dos clientes com uma maquiagem bem feita.
Mortos: Embora pareça assustador, maquiar defuntos para os funerais é uma prática comum e supervalorizada. Nesse caso, o profissional prestará serviço a agências funerárias.

Imagem pessoal

Foto: Stock.XCHNG

A imagem do maquiador é seu cartão de visitas.

Um requisito importante para quem decide ser maquiador é o cuidado com a própria aparência. Essa preocupação demonstra coerência com a ideia transmitida pela atividade. Faz mais sentido e gera mais credibilidade oferecer recursos e incentivar um comportamento que você acredita ou do qual você também seja adepto. Juliana Cardoso lembra que é preciso também cuidar de outros aspectos que igualmente afetam a imagem, como a pontualidade, a descriação e a facilidade em trabalhar em equipe.

Seguem algumas dicas do curso de maquiador(a) profissional sobre os cuidados com a imagem pessoal:

Higiene – Tenha um bom cheiro. Não precisa ser de perfume necessariamente. Pode ser um odor mais leve como de quem acabou de sair do banho.

Cabelos – Mantenha os cabelos limpos e presos durante o trabalho.

Unhas – Apresente unhas sempre curtas e limpas. Unhas longas podem ferir o rosto do cliente, pois, ao maquear, usa-se bastante as pontas dos dedos para a aplicação de produtos. É preciso lavar as mãos antes e depois de cada atendimento.

Kit básico para maquiagem

No que diz respeito ao material de trabalho, o profissionalismo também depende de um bom arsenal de equipamentos. Sendo assim, a primeira ação é investir em produtos de qualidade e também no conhecimento, pois é fundamental saber usar todas as ferramentas de trabalho. Para começar, é bom adquirir itens básicos e que sirvam para qualquer tipo de pele, alguns deles são o fixador de maquiagem, o tônico, o creme revitalizante, a pré-base ou primer, o rímel, delineador e a paleta de sombras. Em seguida, vem aqueles que variam de acordo com o tom de pele, como as bases, os corretivos e os batons.

Foto: Stock.XCHNG

As ferramentas de trabalho devem ser de ótima qualidade.

 

Gerenciamento do trabalho

Para as mães empreendedoras, que vivem divididas entre maternidade e carreira, gerenciar tempo ou trabalho como um todo é desafiador. No que diz respeito à àrea de maquiagem, o curso traz algumas dicas de como o gerenciamento desse trabalho pode ser eficiente, seguindo algumas orientações práticas e simples.

Agenda – Para administrar bem a agenda, é importante que você tenha o tempo certo de cada maquiagem.

Como cobrar – Saber cobrar também é essencial para ter sucesso nos negócios. Mas, não há como calcular o material gasto em cada maquiagem, portanto o ideal é realizar uma pesquisa de mercado e estabelecer um taxa.

Concorrência – É importante ficar de olho na concorrência, pois acompanhar os trabalhos de outros maquiadores ajuda a manter-se atualizado sobre as novas técnicas e produtos.

Acesse e conheça o curso de Maquiadora Profissional  e confira outras orientações a respeito dessa atividade. Há vários outros assuntos referentes à rotina do maquiador, além de apresentar o passo a passo de como maquiar.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS COMO SE TORNAR UMA MAQUIADORA PROFISSIONAL

Fonte Original CPT
Comentários
Carregando...